O perfil do batizado

Como seria diferente a nossa Igreja e o Mundo, se todos os cristãos tivessem consciência de que, pelo Batismo, nos tornamos discípulos de Jesus, para O seguirmos incondicionalmente, irmãos entre irmãos para a vivência comunitária da nossa fé; e apóstolos, para, com Jesus e como Jesus, consagrarmos todas as nossas energias à construção do Reino!

A medida alta

Desde o “crescer na caridade” para desbravar caminhos de misericórdia, passando pelo arrotear as montanhas do nosso orgulho e autossuficiência, pelo endireitar as curvas da acomodação, do arranjismo e do oportunismo, pelo não cair na tentação do mais fácil, mais agradável e a pronto, até o procurar sempre o melhor, eis o longo caminho a ser percorrido por cada um de nós.