Direitos humanos em festa

Faz 30 anos que o Parlamento Europeu lançou o Prémio Sakharov para atribuir a pessoas que, de forma corajosa, dão o corpo às balas na defesa dos direitos humanos. E, ao celebrar 30 anos deste Prémio da União Europeia, olhamos com alegria e gratidão para os 70 que tem a Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Paulo VI e Óscar Romero

O Papa Francisco decidiu canonizar Paulo VI e D. Óscar Romero a 14 de Outubro, durante o Sínodo sobre os Jovens, a Fé e o Discernimento Vocacional. Este Papa não escolhe nada por ocaso e a oportunidade da data é sempre um desafio à Missão. São dois homens de Igreja, imagens de marca de tempos difíceis e de uma coragem à prova de tudo.

Maria, Mãe da Igreja

Depois de em Fátima, no ano passado, juntamente com um milhão de peregrinos, ter gritado “temos mãe!”, o Papa Francisco veio agora instituir a Festa de Santa Maria, Mãe da Igreja, a celebrar na segunda-feira de Pentecostes. A Mãe de Jesus está muito presente na vida e na Missão deste Papa latino-americano.

O Papa ‘todo-terreno’

Francisco foi eleito há cinco anos. Apresentou-se como o Papa que veio do fim do fim do mundo e tem-se esforçado por trazer os descartados para o coração da Igreja. Não gosta muito de circular nas ‘auto-estradas’ das gentes bem de vida, preferindo os terrenos enlameados e acidentados de quem vive nas periferias e margens da história.

Sangue com Missão

É do mais radical da tradição cristã dizer que ‘sangue de mártires é semente de cristãos’. Em boa verdade, é fácil reconhecer que dar a vida, totalmente, assume a perfeição exigida pelo Evangelho. Quando alguém, em nome da Fé, da verdade, da justiça e da paz é morto, estamos perante o martírio que traduz uma entrega total da vida.