Jovens Sem Fronteiras

Nascidos em 1983 no íntimo da Congregação da Família Espiritana, os Jovens Sem Fronteiras (JSF) são um Movimento Missionário de Jovens Católicos fundados pelo Padre Firmino Cachada na Foz do Arelho, Caldas da Rainha. Pouco tempo depois, o Padre Arlindo Amaro fundou o movimento na região de Braga. Mais tarde, o testemunho e a presença do movimento estendeu-se ao Porto pelo Padre António Farias. 

Os JSF são um movimento que têm no Evangelho a sua razão de existir, procurando ser autênticos seguidores da vida de Jesus Cristo anunciando a Palavra de Deus em qualquer lugar. Somos ainda caracterizados pela juventude e pela luta constante de um mundo mais solidário e fraterno, cujo o lema “estar perto dos que estão longe, sem estar longe dos que estão perto” exemplifica a nossa disponibilidade e coragem para destruirmos os muros que ainda existem entre os Homens.

Esta preocupação universal é também resultado de uma forte vertente paroquial de cada grupo. Estes grupos em conjunto com a comunidade, são a resposta ativa para os problemas locais que vão contra a dignidade humana. Desta forma, cada JSF, para além de um forte crescimento na fé, tem também a responsabilidade de fazer parte desta solução global que procura a igualdade de dignidade entre os povos através de gestos missionários e solidários.

Somos jovens com alma missionária que colocamos em primeiro lugar esta vontade de ser JSF, deixando, por vezes, de partilhar a proximidade com a família e amigos, para dar um outro sentido ao encontro com o próximo. Não é uma escolha fácil nem óbvia. Obriga-nos a ter gosto, sacrifício, dedicação e determinação, a perder o conforto e o tempo para que, no final, seja possível através dos nossos atos ganharmos um sorriso e um novo motivo de justiça e paz.

Queremos ser testemunhas da “Alegria do Evangelho”, junta-te a nós!

Visita-nos na nossa página web ou no facebook.

Com Estatutos próprios aprovados em 2003 pela Conferência Episcopal, os JSF são constituídos por cerca de 50 grupos paroquiais localizados em quatro regiões: Minho, Douro, Centro e Sul, existindo também representações em França e em Cabo Verde. A raiz deste movimento são os grupos de inserção paroquial, que reúnem semanal ou quinzenalmente para debater, refletir, rezar ou organizar atividades de caráter missionário. É aqui que cada um está chamado a descobrir a sua essência e o seu carisma. Uma sólida formação humana e cristã possibilita uma boa ação.

Em 2013 o movimento comemora 30 anos desde a fundação e 20 anos a realizar projetos de desenvolvimento e solidariedade através da Organização Não Governamental para o Desenvolvimento (ONGD) Sol Sem Fronteiras (Solsef), que nasceu a partir da iniciativa dos JSF.

Jovens Sem Fronteiras - 30 anos em Missão