Cabo verde

Porque se chama Cabo Verde, quando a terra é toda seca? O nome do país provém do vizinho Cabo Verde, na costa senegalesa, avistado por exploradores portugueses em 1444, alguns anos antes das ilhas serem descobertas.

Cabo Verde é um país insular localizado num arquipélago formado por dez ilhas vulcânicas. As ilhas cobrem uma área total de pouco mais de 4.000 quilómetros quadrados.

É marcadamente jovem na sua estrutura etária, com quarenta por cento dos efectivos entre os 0 e 14 anos (estimativa 2005) e apenas 6 por cento acima dos 65 anos. A média de idades da população cabo-verdiana ronda os 24 anos.

Os cabo-verdianos são, na sua maioria, cristãos (mais de 95%), com os católicos representando 85% da população religiosa.

A língua oficial é o português, usado nas escolas, na administração pública, na imprensa e nas publicações. A língua nacional de Cabo Verde, a língua do povo, é o crioulo cabo-verdiano (o criol ou kriolu).

Espiritanos em Cabo Verde

A presença dos Missionários do Espírito Santo nestas ilhas já passa os 75 anos celebrados duma forma jubilar no passado ano de 2016. Desde a chegada dos primeiros missionários Espiritanos em 1941 até aos dias de hoje, muitos tem sido os Missionários que têm passado e feito história neste pequeno torrão no meio do Atlântico. 

Com uma igreja decaída, em 1941, os Espiritanos começam todo um trabalho de reevangelização, reestruturação e reorganização da Igreja em Cabo Verde. Para os primeiros missionários não foi nada fácil e muitas foram as resistências. Com o andar do tempo, a presença dos Espiritanos, sobretudo em todo o território da ilha de Santiago, era uma evidência marcadamente por um novo estilo de evangelização. O clero diocesano era reduzido e um dos trabalhos essenciais dos Espiritanos era formar padres para a igreja local. Graças a todo esse trabalho vocacional, hoje Cabo Verde, com as duas Dioceses, Santiago e Mindelo, têm dois Bispos e muitos padres nativos, o que é uma graça, fruto de todo um trabalho de persistência dos Missionários do Espírito Santo.

Desde 2015, o, então, Distrito de Cabo Verde passou a Grupo pois já conta com cerca de 15 espiritanos caboverdianos e 7 portugueses. Com tudo isto vai-se tornando um grupo espiritano a crescer e a agarrar os novos desafios que se apresentam. Vários destes espiritanos de Cabo Verde estão a trabalhar em outras terras missionárias como Brasil, Bolívia, Moçambique, EUA.

Actualmente a actividade principal dos Espiritanos em Cabo Verde é o trabalho paroquial, estando presentes em quatro paróquias onde dinamizam e procuram viver directamente com o povo partilhando o nosso carisma missionário.

Uma outra aposta forte do Grupo é a pastoral vocacional e a formação na casa principal dos Espiritanos na cidade da Praia. Este trabalho tem dado muitos frutos, quer nas recém ordenações quer no número de rapazes que estão na formação em Cabo Verde, Portugal e alguns países de missão a fazerem o seu estágio missionário.

Começam-se a dar os primeiros passos na Animação missionária com um forte trabalho com os leigos que vão querendo beber da Espiritualidade Espiritana como são o exemplo da criação de algumas Fraternidades Espiritanas.

A presença espiritana em Cabo Verde tem campo de acção que, aos poucos, começa a solidificar-se e a fazer desta igreja local uma igreja mais missionária.

Por ocasião do 70º Aniversário de história em Cabo Verde, os Espiritanos enviaram uma breve apresentação da caminhada feita.

Saiba mais sobre a presença espiritana em Cabo Verde em "História da Província Portuguesa":

Em Cabo Verde, Ordenação e Missão

Nos 75 anos de presença espiritana em Cabo Verde, o jovem espiritano Elson Lopes foi ordenado sacerdote. O P. João Mónico esteve presente, e aproveitou para lançar o livro "Pedaços do meu quotidiano", com as crónicas do P. José Carreira enquanto este foi missionário em Cabo...

Ordenações em Cabo verde

Dois Padres e um Diácono foram Ordenados em Milho Branco, na Ilha de Santiago. Cabo Verde celebra o Jubileu dos 75 anos da chegada dos primeiros Espiritanos.

Missão com ‘morabeza’ em Cabo Verde

A história escreve-se com grandes momentos. Após 75 anos de presença em Cabo Verde, os Espiritanos são Grupo independente de Portugal. Para lançar as bases do seu futuro próximo, o Superior convocou todos os Cabo Verdianos de origem e os estrangeiros a trabalhar no Arquipélago....