Cláudio Poullart des Places

A 26 de Fevereiro de 1679, nasceu Cláudio Francisco Poullart des Places na Bretanha Francesa. Descendente de família nobre e abastada. Seu pai era advogado e pertencente a alta burguesia.

O jovem Cláudio era um excelente aluno. Estudou Retórica, Filosofia e Direito, sendo a maior parte dos estudos nos Colégios dos Jesuítas. Desde criança que ele se sentia chamado à vida sacerdotal, no entanto o pai tinha outros planos para ele que era o de conselheiro do parlamento bretão.

Mas eis que um dia quando ele experimentou a toga de advogado que a mãe mandara fazer, tirou-a para nunca mais vestir e disse: "Eu quero ser padre". Decisão esta a que os pais procuravam dissuadi-lo mas a sua preocupação agora era com os mais pobres, aqueles que não tinham a mesma sorte do que ele de poder estudar.

Assim, a 27 de Maio de 1703, dia de Pentecostes, Cláudio, com apenas 12 Rapazes, fundou o seminário para aqueles pobres que quisessem ser padres com apenas duas condições: Não se aceitam senão pessoas pobres, de bons costumes e capacidade para a Ciência. Devemos reconhecer neste jovem a sua disponibilidade para escutar e a grande confiança que tinha em Deus.

Em 1707, depois de um trabalho árduo como seminarista, pode receber a ordenação presbiteral onde estavam presentes os seus alunos que nesse mesmo dia receberam a sua benção.

Em 1709, o rigoroso inverno que vitimou milhares de pessoas fez com que Cláudio partilhasse a sorte dos mais pobres e foi sepultado numa vala comum. Foi assim que a vida de um jovem seminarista marcou até o destino da Congregação do Espírito Santo. 

A 2 de outubro, dia da sua morte, a Família Espiritana recorda o seu primeiro fundador.

Olá, eu sou o Cláudio

Apresentação, em jeito "autobiográfico", de Cláudio Poullart des Places, fundador da congregação do Espírito Santo, que a Família Espiritana celebra no dia 2 de outubro.