Sábado de Caminho Misericordioso

Um sábado por mês, o CESM promove uma peregrinação diferente. A próxima será já no dia 7 de maio. Leia como foi a de abril.

O Irmão Inácio, da comunidade de S. João de Deus com o grupo de peregrinos

Foi um sábado diferente. Mais voltado para o nosso interior e em contacto com a realidade daqueles e daquelas que praticam no dia a dia as Obras de Misericórdia. Por isso, no dia 9 de Abril, um bom grupo de pessoas quis peregrinar até à Casa de Saúde São João de Deus, em Barcelos. 

Vindos de várias paróquias do nosso Minho, congregaram-se no CESM - Seminário da Silva, e aqui iniciaram o programa do Sábado de Caminho Misericordioso. Depois da oração da manhã, houve uma reflexão espiritual, tendo como texto base o Evangelho de São João (Jo 20, 19-31), onde, com o Pe. Tiago, se refletiu sobre a necessidade de viver a alegria pascal numa lógica e dinamismo de proximidade e encontro.

Depois dum intervalo e de todos receberem uma refeição de “Peregrino”, iniciou-se o VIA LUCIS, com a celebração comunitária da primeira e segunda estações. Findas estas, em pequenos grupos partiram em peregrinação. Rezando, caminharam para a Igreja Jubilar da Santa Cruz em Barcelos, entrando pela Porta Santa e vivendo o rito jubilar proposto para este ano santo.

Pelas 14 horas, iniciou-se a visita à Casa de Saúde de São João de Deus. O Irmão Inácio acompanhou o grupo e, em cada unidade desta Casa de Misericórdia, o pessoal de enfermagem deu uma panorâmica do trabalho diário ali realizado, para todos verem com ‘os seus olhos’ como se vive no real do nosso dia a dia as Obras de Misericórdia, tanto corporais como espirituais.

É importante realçar o profissionalismo do pessoal de enfermagem. Mas, mais emocionante foi ver e sentir a forma como falavam do seu relacionamento com o doente, praticando verdadeiro humanismo cristão. As palavras não faziam falta, pois o brilho nos olhos, não dava lugar a dúvidas…

Faz bem esta terapia, ao estilo “Papa Francisco”, para valorizarmos a nossa saúde e termos uma visão mais humana e divina das realidades da nossa vida, buscando melhorar, assim, o nosso relacionamento e descobrindo nos que nos rodeiam os sinais da Misericórdia do nosso Deus.

Últimas

Missão em Agosto

P. Miguel Ribeiro e Inês Prata falam à Agência Ecclesia sobre as atividades de verão dos Jovens Sem...

Católicos, mesmo?

A verdadeira ‘aldeia global’ é-nos proposta por Deus sob a forma de “casa de oração”, pois é pela...

Férias culturais

No período de férias proponho um passeio cultural com a família à Villa Romana de Pisões, situada na...

Deus desconcertante

19º Domingo do Tempo Comum. É importante que, num tempo em que somos constantemente bombardeados por...

É proibido reclamar

Este foi um dos últimos pedidos do Papa Francisco quando iniciou as suas férias de verão.

Bem-vindos ao Planalto

Ouvi estas palavras há precisamente 20 anos. O planalto é o angolano. Zona fértil, que se eleva a...