O Sol, hoje, brilha mais forte em Cuntum Madina

Durante a Ponte 2014, na Guiné-Bissau, os jovens voluntários identificaram necessidade urgente de um refeitório e uma cozinha em Cuntum Madina, na Guiné-Bissau. Hoje, estão construídos e equipados, e as formações necessárias para garantir a sustentabilidade do projeto foram ministradas.

A Sol sem Fronteiras iniciou o projeto “Nutrir a Aprendizagem”, no bairro de Cuntum Madina, em Bissau, em janeiro de 2016. Nesta localidade existe um Jardim Infantil com 125 crianças onde as refeições eram preparadas e consumidas dentro das próprias salas onde brincavam e aprendiam.

Quando os jovens voluntários da “Ponte 2014 – Sementes de esperança, corrente de mudança” passaram por Cuntum Madina, verificaram que era necessário colocar mãos à obra e construir um refeitório e uma cozinha e equipá-los, para que as crianças tivessem um local próprio para comer com as condições nutricionais e higiénicas que merecem.

Foi então que a Sol sem Fronteiras entrou em contacto com as Irmãs Franciscanas da Imaculada Conceição de Guiné-Bissau, que tomam conta deste Jardim Infantil desde 2011, para levarmos este projeto para a frente. As irmãs foram sempre muito ativas e dinâmicas nesta missão de melhorar as condições das refeições dos meninos e das meninas e juntos fomos construindo e equipando este projeto.

As voluntárias do projeto “Coração na Guiné-Bissau” também visitaram este projeto em agosto de 2016, de forma a acompanhar o seu desenvolvimento e dar o apoio necessário.

Mas nada disto fizemos sozinhos! Tudo foi possível com a ajuda de todos os que participaram na campanha Presentes sem Fronteiras, mas também dos Voluntários com Asas, da Aparf, do MOMIP, da LIAM, das Turmas de Educação Moral e Religiosa Católica da Escola Secundária de Peniche e, por claro, dos Jovens sem Fronteiras.

Hoje, podemos anunciar que o refeitório e a cozinha estão construídos e equipados, e as formações necessárias para garantir a sustentabilidade do projeto foram ministradas. Obrigado, genuinamente, a todos vós! 

Juntos, fizemos o Sol nascer para todos, desta vez em Cuntum Madina!

Últimas

Sabor a injustiça?

Como é que podemos trocar o sabor a injustiça pelo sabor e cheiro a misericórdia?

O (mais) perfeito dom

Jesus fala-nos do ‘perdão do coração’. Esse é que é o perdão por excelência, o dom perfeito. É na...

Bispo simples e próximo

A Família Espiritana une-se à Diocese do Porto e à família do D. António Santos, que partiu, esta...

Outra vez o jumento?!

"É tempo de férias, estar com a família e descansar, que seja também tempo para louvar e agradecer,...

Vidas alheias?

Passar do alheamento reinante a uma atitude de atenção, de proximidade, de solidariedade e de...