Lusofonias com Missão

O P. Tony Neves publica os seus comentários no programa 'Lusofonias', numa edição com fim solidário

Semana após semana, Tony Neves lê um Comentário no Programa ‘LusoFonias’, realizado na Rádio Renascença e difundido em diversas Rádios católicas do mundo lusófono. Desde 2014, os Comentários passaram a ser também publicados no Semanário Ecclesia ‘Online’. Saem agora coligidos em livro. O Prefácio é assinado por D. Manuel Clemente. É uma obra dedicada ao P. Álvaro Rocha, pároco da terra natal do autor, por ocasião das bodas de prata sacerdotais.

A primeira edição do programa radiofónico ‘Igreja Lusófona’ foi emitida a 23 de Fevereiro de 1999… e não mais parou. Em 2007, o programa ajustou o nome e passou a chamar-se ‘LusoFonias’.

Produzido e editado pela Fundação Fé e Cooperação (FEC), realizado pela Rádio Renascença, o programa já teve como rádios colaboradoras e emissoras largas dezenas, desde Portugal a Angola, Moçambique, Guiné-Bissau, Cabo Verde, S. Tomé e Príncipe, Brasil, Timor e até comunidades lusófonas espalhadas pelo mundo, desde os Estados Unidos da América até à Rádio Vaticano.

De 1999 a 2006, O p. Tony Neves assegurou a edição do Programa. Desde essa data, mantém o Comentário, quase sempre alusivo ao tema do programa. 

Em tempo de crise económica profunda, os mais pobres e descartáveis são quem mais sofre em Portugal. O Centro Padre Alves Correia (CEPAC) acompanha e apoia os mais frágeis. Este livro pretende dar uma pequena colaboração nesta Missão de acolhimento a imigrantes e refugiados, como pede o Papa Francisco.

| Uma edição LIAM

Últimas

III Missão Faz-te Bem

Jovens Sem Fronteiras de Godim realizaram festa de angariação de fundos para o Projeto Ponte, a...

Missão.Come’17

Em dia de Portugal, os JSF de Lordelo (Paredes) decidiram trazer um pouco de África à cidade, em...

JSF unidos com Maria

Os Jovens Sem Fronteiras da Foz do Sousa acolheram a região Douro para uma tarde de atividades,...

Uma vontade cega

Uma comédia dramática, com realização de Marc Rothemund e argumento de Oliver Ziegenbalg.

Em paz e em missão

O grande problema da Igreja hoje é que vivemos um cristianismo sonolento, acomodado e instalado que...