Intra-rail missionário

Do Alentejo ao Algarve, a missão rolou sobre carris. Oito jovens de de várias regiões do país levaram o seu testemunho de fé. "E foi tudo tão bom!"

O intra-rail Missionário 2017 foi uma actividade missionária de Verão organizada pelos Jovens sem Fronteiras. Nesta actividade participaram oito jovens de diferentes pontos do país e um padre Espiritano.

Ao longo de 10 dias animámos pequenas e grandes comunidades próximas da linha de comboio, desde Funcheira a Conceição de Tavira. Levámos testemunhos de fé a adultos e jovens. Recebemos gestos de amor.

Com a comunidade construímos momentos de alegria, esperança e partilha. Visitámos idosos e doentes (em lares ou nas suas casas) multiplicando sorrisos. Presenciámos a dor provocada pela solidão, lida nalguns dos rostos cheios de História.

Encontrámos também empenho para a mudança e sinais fortes de Fé – “Deus nunca me abandona” dizia a Srª Lucília. Visitámos creches. Algumas promoviam o encontro entre as crianças e os avós, lares e creches de mãos dadas. Nas sessões missionárias falámos do que é ser missionário e do compromisso que implica para com Deus e para com os outros.

Mas também escutámos as diferentes partilhas de histórias de vida e experiências vividas. E aprendemos tanto!!

Ainda lançámos o desafio da missão “cá dentro” e demos testemunho do pouco que fizemos quando comparado com o muito que todos podemos fazer. Estas sessões missionárias foram adaptadas aos jovens, aos casais, e à comunidade em geral.

Não podia faltar o encontro com Deus através da oração e Eucaristia. Ele foi o motivo da nossa experiência missionária. Rezámos muito em comunidade e participámos também na Festa da Eucaristia nas diferentes comunidades.

E foi tudo tão bom. A Ele estamos gratos por tudo. Rezem por nós e pelas comunidades de Funcheira, Garvão, Santa Clara, Sabóia, Ferreiras, Boliqueime, Conceição de Tavira, Cabanas de Tavira. Façam o Bem!!

Luís Santos em missão

Últimas

Sabor a injustiça?

Como é que podemos trocar o sabor a injustiça pelo sabor e cheiro a misericórdia?

O (mais) perfeito dom

Jesus fala-nos do ‘perdão do coração’. Esse é que é o perdão por excelência, o dom perfeito. É na...

Bispo simples e próximo

A Família Espiritana une-se à Diocese do Porto e à família do D. António Santos, que partiu, esta...

Outra vez o jumento?!

"É tempo de férias, estar com a família e descansar, que seja também tempo para louvar e agradecer,...

Vidas alheias?

Passar do alheamento reinante a uma atitude de atenção, de proximidade, de solidariedade e de...