Com Maria: Interligando margens em Vila da Ponte

Vila da Ponte, em Lamego, acolheu Jovens Sem Fronteiras das regiões do Minho e Douro

No fim-de-semana de 11 e 12 de Fevereiro, Jovens sem Fronteiras (JSF) do Minho e do Douro reuniram-se em Vila da Ponte, sob o tema “Com Maria: INTERligando margens”, para um interregional inesquecível!!

O encontro foi preparado ao pormenor e esteve recheado de surpresas! Quando os jovens do Minho e Douro chegaram a Vila da Ponte tinham à sua espera um acolhimento, onde não faltou alegria, boa disposição e onde pudemos ouvir pela primeira vez o hino deste interregional.

A manhã terminou com um almoço partilhado, que permitiu um primeiro contacto entre todos, começando assim a união de margens.

A tarde começou com uma Caminhada Missionária, onde foram propostos 5 workshops que nos permitiram “Rezar com as palavras do Papa Francisco” até chegarmos à capela da Nossa Senhora das Necessidades, onde parámos para rezar uma “Oração Mariana”. Ao final da tarde tivemos um momento de animação protagonizado pelas irmãs missionárias, que nos permitiu ouvir um testemunho de missão, através de um momento de animação e alegria, sendo estes, dons essenciais para um missionário.

O dia terminou com um concerto do grupo “Fortaleza”, um momento que nos fez sentir Deus presente em todos os nossos corações e onde todos juntos fomos um só!

O Domingo começou com a oração da manhã e, de seguida tivemos um momento de reflexão, onde foram abordadas diversas questões sobre a eutanásia e sobre a forma como é abordado pela igreja católica este tema.

A manhã de Domingo terminou com a eucaristia em Vila da Ponte e com a Passagem da Vela da Região JSF Douro para os grupos de Fiães e de Alvite, num momento de encontro e comunhão com Deus.

A despedida foi marcada por uma surpresa, onde todos de mãos entrelaçadas, numa paisagem sem igual como é o espelho de água de Vila da Ponte, rezámos e soltámos um balão com uma prece que tínhamos escrito na oração da tarde de sábado. Não poderia ter havido melhor despedida!

Uma palavra ao grupo de Vila da Ponte, por todo o empenho e dedicação na preparação deste encontro, por nos terem proporcionado um interregional fantástico, onde não nos faltou nada e onde sentimos Deus sempre connosco!

No final, só podemos dizer que não houve águas a separar, sobre elas conseguimos caminhar, de mãos dadas sobre o olhar de Maria!

Sara Gomes (JSF Carvalhal, Barcelos)

Últimas

A verdadeira visão

Aproveitemos este tempo da Quaresma para uma consulta – ainda por cima, gratuita! – no verdadeiro...

Obrigado, P. Henrique

Obrigado P. Henrique pela força e coragem do seu testemunho, pela pobreza com que viveu e pela fé...