50 anos cheios de Missão

LIAM de Fiães, em Santa Maria da Feira, celebra as bodas de ouro missionárias num clima de alegria, solidariedade e oração.

Compromisso do grupo

A primeira reunião – diz a ata – aconteceu a 12 de Março de 1967, há 50 anos. A 3 de Outubro seria ordenado o P. António Moreira. Meio século mais tarde, Fiães quis assinalar esta datas jubilares com um fim de semana de animação missionária, com as catequeses e a comunidade paroquial em geral. Aconteceu de 10 a 12 de Fevereiro.

Tudo começou com a dinamização e sensibilização vocacional das catequeses das crianças e dos jovens, na sexta e no sábado, com a orientação dos Padres Agostinho Tavares e Tarcísio Moreira. Falaram da alegria de ser missionário, a partir da experiência pessoal.

O apelo à solidariedade esteve vincado na venda missionária que juntou LIAM e JSF a sensibilizar a comunidade para a urgência do trabalho com imigrantes em Portugal. Assim se recolheram 780€ para entregar ao Centro Padre Alves Correia (CEPAC), um dos projetos apoios pelas campanhas da Família Espiritana.

A presidência das Eucaristias de todo o fim de semana foi assegurada pelos Padres Espiritanos. A missa de sexta-feira foi presidida pelo Pe. Tarcísio Moreira. A missa de sábado pelo Pe. Agostinho Tavares. O Pe. António Moreira presidiu no domingo às 8h, o P. Tarcísio às dez e o P. Tony Neves às 11h30, com concelebração dos Padres Agostinho, António e Tarcísio. Participou o Presidente da Junta de Freguesia. Nesta celebração organizou-se um ofertório solene com vários símbolos alusivos à LIAM e às missões, em que os membros mais antigos da LIAM participaram de forma entusiasta e até emocionada. Nesta celebração acolhemos um novo membro na família e comunidade cristã de Fiães, a Eduarda, que foi batizada pelo Pe. Tony.

Na sua homilia, o Pe. Tony deu ênfase ao cariz laical e missionário que sempre caracterizou os grupos da LIAM. Referiu a importância de D. Moisés Alves de Pinho na restauração da presença espiritana em Portugal e contou a história da LIAM.

No final da celebração, todos os membros do grupo da LIAM renovaram o seu compromisso de pertença perante a assembleia e a comunidade.

Após a missa solene de domingo, realizou-se o almoço missionário que contou com a presença de 78 pessoas. Foram convidados vários grupos da LIAM, os amigos colaboradores da LIAM de Fiães, a fraternidade do Sagrado Coração de Maria, bem como várias personalidades da comunidade de Fiães. A organização deste almoço esteve a cargo dos JSF que ofereceram um almoço muito bem confecionado, de grande qualidade, promovendo e avivando o clima de festa.

Um dos pontos altos das festividades foi a Tertúlia Missionária que se realizou, na tarde de domingo, no Auditório do Centro Paroquial de Fiães, com o tema «Sair da comodidade e ter a coragem de alcançar a luz do Evangelho». Foram convidados para oradores os Padres Agostinho, António Moreira, Tony Neves e Pe. Tarcísio. Falaram da história dos Missionários Espiritanos, dos Espiritanos de Fiães, dos 150 anos da chegada dos Espiritanos a Portugal e deste 80 da LIAM e 50 da LIAM de Fiães. Foi ainda referida a importância do Pe. Alves Correia, dos seus escritos e da atividade importantíssima do CEPAC. Participou o Presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira.

O Terço Missionário, na Matriz, encerrou o dia, com mais de 140 pessoas a rezar pela Missão. A LIAM foi apoiada no canto pelos JSF e Escuteiros.

A LIAM de Fiães agradece ao P. Campos, pároco, e a quantos tornaram possível a celebração destas bodas de ouro cheias de Missão.

Sensibilização vocacional com as crianças da catequese

Últimas

Companheiros de viagem

A Eucaristia para nós, cristãos, não pode ser apenas o ‘lugar’ da ressurreição, mas também o impulso...

Eu, Daniel Blake

Mais uma edição da tertúlia "Um filme, uma provocação", promovida pelo CESM. A próxima edição é...

E cacareja a galinha

Se tanto nos damos com galinhas, entristece-me que ninguém as elogie. Não há uma fábula, um...

Retiro JSF em Fátima

100 anos depois, Fátima continua a ser lugar onde nos podemos aproximar de Deus. No início da Semana...